Dissertação Expositiva: veja exemplos de textos, estrutura e nossas sugestões

Hangout 100% grátis, aprenda como fazer o seu TCC em apenas 7 dias e sem complicações. Aula Gratuita

Saiba tudo sobre o que é e como construir a estrutura de uma dissertação expositiva.

Embora a dissertação expositiva sempre está presente em bancas e diversos processos seletivos, muitas pessoas não sabem o que é ou como elaborar a sua estrutura.

É comum, por exemplo, existir a confusão entre o texto argumentativo e expositivo, então muitos candidatos escrevem o primeiro quanto o enunciado pede o segundo.

A boa notícia é que trouxemos para você um guia completo explicando o que é uma dissertação expositiva e a sua estrutura.

O que é uma dissertação expositiva

Será fácil entender o que é o texto dissertativo expositivo, pois o próprio nome já explica e define. Vamos também utilizar os conceitos do dicionário online Michaelis da Língua Portuguesa:

  • Dissertar: Fazer apresentação oral ou por escrito sobre algum tema de forma organizada e completa.
  • Exposição: Que descreve algo.

Viu como ficou fácil responder o que é uma dissertação expositiva? Trata-se de uma apresentação escrita sobre determinado tema de forma organizada e completa com o objetivo de descrever e apresentar informações.

Agora que já cumprimos com a primeira promessa de explicar o que é, vamos honrar também a segunda: Como fazer um texto dissertativo expositivo.

exemplo de texto expositivo
Veja um exemplo de texto expositivo retirado de: https://pt.slideshare.net/anamoura84/texto-dissertativo-expositivo

Como fazer um texto dissertativo expositivo

Aqui o objetivo não será convencer o leitor sobre determinado ponto de vista. Não há divergência de ideias! Como já dito, a finalidade é informar, descrever, fazer uma exposição de algo.

Se você na posição de candidato for escrever este gênero textual, não produza um texto para que o avaliador concorde contigo, mas para que ele o considere coerente e informativo. Entendeu? Se sim, então podemos falar sobre a estrutura agora.

A estrutura da dissertação expositiva

A pouco falei sobre o gênero textual, portanto antes de continuar, entenda o que ele é à luz da “Gramática do Português Brasileiro do renomado professor e linguista Ataliba de Castilho (2012):

Toda e qualquer forma de manifestação do discurso produzida pelos falantes em uma determinada esfera social do uso da linguagem. Dado seu caráter social, o gênero é uma forma codificada historicamente por uma determinada cultura, visando a comunicação entre seus membros.

O gênero textual é a estrutura e as peculiaridades de abordagem de determinada categoria de texto. As receitas, por exemplo, possuem uma estrutura comum, assim como os ofícios, cartas, e-mails etc. são todos gêneros textuais.

A pergunta é: Qual a estrutura da dissertação expositiva?

Com relação à introdução e conclusão, aconselha-se fazer apenas um parágrafo, porém a peculiaridade deste texto está no desenvolvimento que não possui uma delimitação quanto à quantidade de parágrafos.

“ Contudo, mais importante do que seguir uma estrutura rígida, é que haja a exposição de ideias certas e bem organizadas sobre um determinado tema.” (Prof.ª Flávia Neves, site Norma Culta).

Por isso falarei tão sucintamente sobre a estrutura para depois apresentar aspectos mais importantes sobre essa produção. Veja a seguir a construção básica do texto:

  • Introdução (definição)
  • Desenvolvimento (informação/exposição)
  • Conclusão (síntese de reafirmação)

A introdução da dissertação expositiva

Que tal iniciar um texto em que serão apresentadas exposições de forma objetiva e sem intenção de persuasão, mas de caráter meramente informativo?

Como? Eis a questão a ser abordada aqui:

Veja as quatro dicas sobre como iniciar o meu texto?

  1. Aborde o contexto do assunto, indo de uma abordagem mais ampla para específica;
  2. Vá direto ao ponto, ninguém gosta de enrolação;
  3. Defina o perfil do seu leitor para apresentar uma introdução que desperte a atenção;
  4. Conheça amplamente o assunto a ser abordado.
Se estiver com dificuldade para começar a escrever, faça as perguntas: Sobre o que eu vou escrever? e qual o objetivo?

A resposta para estas perguntas, combinadas com as quatro dicas supracitadas constituirão uma introdução perfeita.

O desenvolvimento da dissertação expositiva

Como já esclareci neste artigo, o desenvolvimento do texto dissertativo expositivo não possui delimitação  quanto ao tamanho.

Nesta parte, explique de modo mais específico cada ponto a ser apresentado. Seja claro e objetivo, mantenha o seu texto linear.

Abaixo você aprenderá seis recursos que poderão ser utilizados para produzir o seu texto dissertativo expositivo. Para tanto, vamos utilizar o parâmetro apresentado por Sabrina Vilarinho no site da Mundo e Educação da UOL.

  • Instrução
  • Informação
  • Descrição
  • Definição
  • Enumeração
  • Comparação

Veja abaixo os detalhes de cada uma:

Instrução

 Apresentar instruções é um excelente recurso quando o assunto aborda um procedimento.

Informação

Todo o texto expositivo é informativo, portanto trazer  informações de forma sistematicamente organizadas certamente dará ao texto característica do gênero.

Descrição

É a exposição das características do assunto abordado. Descrever é reconstituir algo a partir das palavras.

Definição

Ao definir algo, esclarecemos metalinguísticamente o assunto abordado.

Enumeração

Este é um recurso que viabiliza a leitura dinâmica. Aqui você deve apresentar sequencialmente as informações referentes àquilo que estamos escrevendo.

Comparação

A melhor forma de explicar algo para alguém é comparando com o que o já se conhece.

A conclusão da dissertação expositiva

Como você já percebeu, a estrutura de uma dissertação expositiva é bastante simples. A conclusão não é diferente. Vamos ver como é fácil:

“Na conclusão ocorre a reafirmação do tema, sendo feita a síntese dos conteúdos abordados. Pode haver uma tomada de posição do autor relativamente ao assunto tratado. (Prof.ª Flávia Neves, site Norma Culta).

Isso quer dizer que a conclusão deve retomar o assunto desenvolvido na introdução, resumindo e qualificando o que foi apresentado no desenvolvimento. Com relação à “tomada de posição do autor relativamente ao assunto tratado”, deve-se apenas tomar o cuidado de não finalizar o texto com nuance argumentativa.

Aspectos gerais do seu texto expositivo dissertativo

Como qualquer texto, principalmente quando dissertativo, é importante lembrar-se das características de uma boa produção, que são:

  1. Coesão
  2. Coerência
  3. Linearidade
  4. Clareza
  5. Concisão
  6. Objetividade
  7. Informatividade
  8. Correção gramatical

Por isso, mais que um texto bem escrito, preocupe-se com que seu texto seja lido. Lembre-se que o importante é apresentar um texto tão bom que sirva para o leitor como razão para prosseguir a leitura.

Qualquer dúvida que você tenha com relação ao tema, faça uma pergunta na área de comentários logo abaixo.

Não se esqueça de compartilhar e curtir nosso conteúdo, a sua participação é muito importante para a continuação do nosso site.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

logo abnt

Quer um modelo de TCC com as normas ABNT já configuradas?

Modelo já com todas as configurações ABNT. Baixe agora >>