Como fazer um Artigo Científico: Nossas dicas e elementos importantes

Menor trabalho acadêmico em termos de conteúdo, o artigo científico não significa superficialidade. Pelo contrário, este instrumento deve ter uma objetividade efetiva.

Saiba que, se o seu TCC — Trabalho de Conclusão de Curso — é escrever e apresentar um artigo científico, sinta-se privilegiado. Pois o artigo científico trata-se do menor trabalho acadêmico no tocante a conteúdo.

Mas isso não significa que por ter um conteúdo menor, o artigo científico tem menos importância ou terá menos exigência por parte dos examinadores na banca. Pelo contrário, este tipo de trabalho acadêmico é dono de grande credibilidade dentro da comunidade científica.

O que analisar antes de escrever um artigo científico?

Antes de colocar “a mão na massa”, ou melhor “os dedos no teclado” para escrever um artigo científico, você deve analisar bem algumas questões:

O artigo científico detém uma grande credibilidade perante a comunidade acadêmica e ainda mais no Brasil, onde a pesquisa científica é levada muito a sério.

Para corroborar com essa argumentação dois dados chamam muito a atenção.

Em um ranking publicado por uma das principais revistas científicas do mundo, a “Nature”, é mostrado que o Brasil é o líder no ranking em relevância científica na América Latina

Outro dado muito interessante é que as mulheres ganham cada vez mais espaço dentro da comunidade acadêmica. Esta recente reportagem da revista “Exame” indica que elas passaram a assinar metade dos artigos científicos no país.

Escolha a publicação científica

livro de ciências aberto

Também vale a pena já identificar a revista especializada em que você pensa em publicar seu artigo. Neste quesito, o “Portal de Periódicos” da Capes pode te ajudar.  

Atenção: sobre publicação em periódicos, há uma norma específica da ABNT, que trata sobre este assunto: NBR 6022. Neste vídeo o professor destrincha toda norma, inclusive suas recentes modificações.

Por fim, destacar que, diferente de uma monografia ou dissertação, o artigo científico pode ser feito em qualquer periodicidade e não exclusivamente como Trabalho de Conclusão de Curso.

Ter ciência dos benefícios e riscos

Antes de falar, especificamente, sobre como é a estrutura de um artigo científico, é preciso deixar bem claro que, se por um lado, no artigo científico você escreverá menos, por outro, sua mensagem terá que ser a mais objetiva e profunda possível.

Outro fator que é bom o estudante estar ciente é que, ao tratar de um artigo científico, a situação é “oito” ou “oitenta”. Você pode ganhar muita notoriedade com sua pesquisa, caso ela descubra uma linha nova de investigação de algo relevante, ou aponte para uma solução ainda não pensada para uma demanda social.

Ou você (e aqui vale a total sinceridade do mundo)  ficará com uma fama não muito boa perante a comunidade científica caso sua pesquisa seja mal elaborada, ou o que você propõe seja algo inviável.  Certamente você ficará marcado como o cara que propôs algo “sem pé nem cabeça!”

Como elaborar o artigo científico?

A primeira coisa que o autor de um artigo científico deve ter em mente é que deverá montar seu artigo na estrutura básica dos trabalhos científicos:

Vale ressaltar que essa estrutura estará dentro das três partes do artigo científico:

  1. Introdução;
  2. Desenvolvimento;
  3. Conclusão.

A primeira coisa a definir é o tema. Uma dica importante referente ao tema: como o artigo científico tem um menor número de páginas (de 10 a 15 páginas) pense em um tema que não demande conteúdo em demasia. Não confunda isso com um tema raso. 

Claro que você é livre para escolher o tema que lhe aprouver, mas você, com certeza, concorda comigo que há assuntos mais complexos que, mesmo sendo bem objetivo, precisa-se de várias páginas para que seja apresentado.

Mesmo assim, se o seu tema for desses, que requer muito conteúdo obrigatório (como a obrigatoriedade de citação de grande parte de uma legislação, por exemplo), tente delimitar seu tema.

Uma espécie de “subtema”. Assim, um trabalho que precisasse de 40, 50 páginas, no mínimo, será possível ser apresentado em 15 páginas, no máximo.

Introdução

menina escrevendo no caderno

Há, no meio acadêmico, a fama de que a introdução deve ser elaborada no final do trabalho, depois de estudado todo referencial bibliográfico analisado e o desenvolvimento feito. 

No entanto, muitos professores estão mudando de opinião com relação a isso. Pois a introdução tem a função de um roteiro de seu trabalho.

É na introdução que você fará uma contextualização do seu tema. Também justificará o porquê da escolha do tema em questão e convencer o leitor de seu artigo de que aquilo que você escreveu tem relevância científica.

Aqui indica-se, também, a metodologia que você utilizará no seu trabalho acadêmico.

Após isso, escreve-se os objetivos gerais e específicos do seu artigo científico, tudo somente em um texto. 

Problematização da pesquisa

Após situar o leitor de seu artigo com a introdução, é hora de informar a problematização da pesquisa, ou seja, o que você analisará, comparar, estudar e chegar a uma solução.

É importante deixar bem claro qual é o problema. Sabe a contextualização de seu tema que você escrever na introdução? Utilize-a como ponto de partida.

*Vídeo do canal: Mari Ella

Roteirização dos capítulos

Essa é uma coisa que muitos estudantes esquecem, a roteirização dos capítulos. Essa roteirização seguirá como um norte para a apresentação de seu artigo.

A roteirização dos capítulos não é difícil de fazer. Coloque três tópicos, no mínimo, em que você abordará.

Pesquisa

Ao trabalho! A essência de qualquer trabalho acadêmico é a pesquisa

É neste ponto do trabalho que você fará a citação, indicação, comparação, análise, entre outros, dos autores que você está utilizando como referência.

Após analisar toda sua coleta de dados, chegou o momento de você revelar o resultado de sua pesquisa. Esta parte é colocada na conclusão, em que você pode propor a solução para o problema que você levantou referente ao tema.

Queira mais

Gostou do artigo? Foi útil para você? Compartilhe com seus amigos que também estão no processo de elaboração do TCC ou de outro projeto acadêmico.

Se você quiser mais dicas e orientações sobre as demais partes do TCC, acesse agora o site do Projeto Acadêmico. Você encontrará textos específicos sobre cada parte da construção do TCC. Sempre numa linguagem fácil e, ao mesmo tempo, didática para você. Com a ajuda do rico conteúdo do Projeto Acadêmico, sua tão sonhada nota dez ficará mais próxima!

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SEMANA DO TCC: Aulas online GRÁTIS!

Nesta semana mostrarei Como fazer um Projeto de Pesquisa do Inicio ao Fim. Custe o que custar! Vagas limitadas