Verbos para Objetivos Específicos em um TCC

Os objetivos de um trabalho de conclusão de curso devem ser elaborados de acordo com cada verbo e sua variação. Considerando que os verbos podem demonstrar características diferentes, é necessário entender um pouco sobre essas variações para escolher o verbo ideal para qualquer um dos objetivos. Em se tratando de um objetivo específico, essa escolha deve ser ainda mais refinada.

Neste post, explicaremos quais são os verbos para objetivos específicos em um TCC, considerando cada finalidade e aplicação dentro do objetivo. Além disso, ensinaremos você a escolher o verbo ideal para iniciar o seu objetivo específico no TCC. Confira tudo isso a seguir e muito mais.

 

O que são objetivos em um TCC?

Os trabalhos de conclusão de curso, assim como outros diversos trabalhos acadêmicos, precisam informar ao leitor o objetivo da elaboração do trabalho. Nesse caso, o objetivo é formulado em duas partes, sendo elas: objetivo geral e objetivo específico. Cada uma dessas modalidades possui uma finalidade diferente.

O objetivo geral, por exemplo, é uma espécie de resumo de todo o trabalho acadêmico, onde a ideia central do estudo é formulada em um pequeno objetivo. Além disso, esse objetivo também é formulado para que o leitor entenda de forma fácil e rápido qual é o objetivo do trabalho. Já no caso do objetivo específico, o resumo tende a especificar mais detalhes sobre o trabalho, informando ao leitor algumas particularidades do trabalho que será apresentado.

Nos dois casos, existe algumas regras para a utilização de verbos, sendo que cada verbo que constitui essas duas modalidades de objetivo tem uma finalidade diferente. Por isso, é importante avaliar bem a escolha do verbo para iniciar o objetivo geral ou específico.

 

O que são objetivos específicos?

Todos os trabalhos acadêmicos devem conter o objetivo específico da elaboração do conteúdo. Esse tipo de objetivo é ainda formulado a partir de várias especificações, por isso, é comum haver mais de um objetivo específico. Esses objetivos apresentam ao leitor os resultados que o trabalho acadêmico poderá oferecer a partir do conteúdo. Nesse caso, esses objetivos devem informar todas as particularidades do TCC, incluindo uma delimitação do tema abordado.

De uma forma mais simples, os objetivos específicos estão o tempo todo atrelados ao objetivo geral. Nesse caso, você deve imaginar os objetivos específicos como pequenos passos em direção ao objetivo geral, onde cada item mencionado leva o leitor em direção ao resumo geral do objetivo do trabalho. Por isso, os objetivos específicos devem construir essa trajetória de informações.

exemplos objetivos específicos

Agora que já sabemos o que significa cada um dos itens, vamos a um exemplo prático de como montar o seu objetivo específico no TCC a partir de verbos que compõem esse item:

 

Como criar objetivos específicos no TCC?

Para iniciar a criação de objetivos específicos, tenha em mente primeiramente o que você deverá informar no objetivo geral. Nesse caso, vamos utilizar um objetivo geral como exemplo para que você possa entender melhor como isso funciona. Sendo assim, vamos supor que o objetivo geral seja o seguinte: “Analisar casos de gripe influenciados pela mudança climática no Brasil“. Agora, vamos a alguns exemplos de objetivos específicos relacionados com esse objetivo geral:

  • Verificar o número de casos da doença e suas variações ao longo dos anos;
  • Identificar quais são os vetores do vírus da gripe;
  • Analisar com que frequência o clima do Brasil tem variado;
  • Comparar as variações do clima com os casos de gripe no país.

Se observarmos nos exemplos, podemos notar que o objetivo geral resume todas as informações que aparecem nos objetivos específicos. Por outro lado, os objetivos específicos detalham a informação contida no objetivo geral. Esses são os maiores exemplos de que os dois itens foram elaborados corretamente.

Outro ponto que você deve observar entre esses itens é que cada um deles utiliza um tipo diferente de verbo. Além disso, há verbos que se repetem nos dois tipos de objetivos, o que também é permitido. Essa repetição é observada em nosso exemplo através do verbo “analisar“.

A elaboração dos objetivos específicos devem ainda seguir outro parâmetro muito importante, que é a linguagem que será utilizada. Embora essa linguagem seja um pouco intuitiva, é necessário prestar bastante atenção para a escolha dos verbos. Como regra geral, os verbos devem ser do tipo infinito, ou seja, precisam terminar em ar, er ou ir.

A escolha dos verbos ainda conta com outro fator importante, que é a compreensão que cada um deles proporcionam. Por isso, o verbo escolhido deve facilitar essa compreensão e a mensuração do que será abordado do trabalho. Sendo assim, os verbos são classificados em diferentes categorias para facilitar a dinâmica da escolha dos verbos. Confira a seguir essas categorias e um pouco mais sobre os verbos para objetivos específicos em TCC:

 

Verbos para objetivos específicos em um TCC

Os verbos que compõem os objetivos específicos aparecem em uma classificação de categorias, onde cada categoria resume o que os verbos poderão oferecer para o objetivo específico. Sendo assim, vamos a essa divisão de categorias e aos verbos utilizados em objetivos específicos em um TCC:

 

Verbos de conhecimento

Nesta categoria, todos os verbos têm como finalidade proporcionar a sensação de conhecimento para o objetivo específico. Sendo assim, podemos utilizar os seguintes verbos para esse tipo de objetivo:

  • Citar;
  • Calcular;
  • Associar;
  • Definir;
  • Classificar;
  • Expressar;
  • Descrever;
  • Distinguir;
  • Enumerar;
  • Nomear;
  • Enunciar;
  • Medir;
  • Especificar;
  • Estabelecer;
  • Exemplificar;
  • Registrar;
  • Selecionar;
  • Identificar;
  • Relacionar;
  • Mostrar;
  • Medir;
  • Indicar;
  • Relatar.

 

Verbos de compreensão

Nesta outra categoria, os verbos possuem a função de proporcionar uma compreensão sobre o tema. Por isso, apenas objetivos específicos com a finalidade de concluir um tipo de abordagem devem utilizar esses verbos. Sendo eles:

  • Descrever;
  • Distinguir;
  • Concluir;
  • Deduzir;
  • Interpretar;
  • Ilustrar;
  • Identificar;
  • Discutir;
  • Demonstrar;
  • Inferir;
  • Localizar;
  • Explicar;
  • Revisar;
  • Relatar.

 

Verbos de aplicação

Em verbos de aplicação, temos os seguintes verbos:

  • Estruturar;
  • Aplicar;
  • Organizar;
  • Ilustrar;
  • Relacionar;
  • Interpretar.

 

Verbos de análise

Para análise, são utilizados os seguintes verbos:

  • Classificar;
  • Combinar;
  • Comprovar;
  • Diferenciar;
  • Detectar;
  • Discriminar;
  • Experimentar;
  • Investigar;
  • Selecionar;
  • Analisar;
  • Categorizar;
  • Comparar;
  • Contrastar;
  • Correlacionar;
  • Discutir;
  • Descobrir;
  • Examinar;
  • Identificar;
  • Provar.

 

Verbos de síntese

Em síntese, você poderá utilizar os seguintes verbos:

  • Compor;
  • Comprovar;
  • Combinar;
  • Criar;
  • Deduzir;
  • Documentar;
  • Desenvolver;
  • Explicar;
  • Relacionar;
  • Planejar;
  • Organizar.

 

Verbos de avaliação

Por fim, os verbos de avaliação são os seguintes:

  • Concluir;
  • Avaliar;
  • Interpretar;
  • Constatar;
  • Julgar;
  • Criticar;
  • Padronizar;
  • Selecionar;
  • Justificar;
  • Relacionar;
  • Valorizar
  • Validar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *