Grifo Nosso: entenda o que é, o significado, quando usar e regras ABNT

Hangout 100% grátis, aprenda como fazer o seu TCC em apenas 7 dias e sem complicações. Aula Gratuita

Sem dúvida você já deve ter se deparado com a expressão “grifo nosso” em alguma leitura não é mesmo? Mas afinal o que é o tal “grifo nosso”? Vamos te explicar com detalhes ao longo deste artigo.

 

Regras para uso do grifo nosso

As normas da ABNT para trabalhos acadêmicos explica que o grifo nosso é quando o acadêmico ou a pessoa que está utilizando determinada citação de um autor opta por destacar alguma fala ou expressão, usando negrito ou itálico.

Ao optar pelo grifo, é válido lembrar que se você modificar uma citação adicionando destaque a ela, a parte destacada deve estar em conformidade com o seu texto, ou mesmo, explicando, fundamentando, ou dando crédito à ideia que você está defendendo.

No uso do grifo nosso, será necessário identificar esse destaque, já que ele não foi escolhido pelo autor original, mas sim uma modificação que vai de encontro do texto onde a citação está inserida.

Essa  explicação/identificação do grifo é indispensável para que o leitor possa perceber que o uso do grifo nosso foi de escolha de quem elaborou o texto, não do autor original da citação.

Lembre-se que as regras para uso do grifo nosso são diferentes das regras de uso do grifo do autor.

Ambos podem ser utilizados somente em citações diretas longas (que possuem mais de três linhas e devem ser feitas com recuo e fonte tamanho 10) e também nas citações diretas curtas (com menos de três linhas e devem ser incluídas no corpo do texto).

O uso do grifo nosso não é recomendado em citações indiretas, já que são uma paráfrase, onde o autor do trabalho fala com as suas palavras o que o autor da obra consultada quis transmitir sobre a ideia ou conteúdo.

Em nosso site, o Projeto Acadêmico, você encontra dicas para fazer citações do TCC diretas e indiretas, tanto curtas quanto longas.

exemplo grifo nosso

 

Diferenças entre o grifo nosso e o grifo do autor

Ao realizar a leitura para sua pesquisa e se deparar com uma expressão que vai de encontro ao seu texto, ou embasa as informações do seu TCC você irá destacá-la usando negrito ou itálico.

Como este grifo foi escolhido por você, ele configura o grifo nosso.

 

Exemplo:

[…] daí que a construção do significado não envolve negociação entre o leitor e o texto e muito menos atribuição de significado por parte do leitor; o significado é simplesmente construído através de um processo de extração. (LEFFA 1999, p.18, grifo nosso)

Porém se você citar passagens originais do autor que já estão destacadas previamente no texto consultado estes são os grifos do autor, pois ele optou por destacar tal palavra.

 

Exemplo:

[…] desejo de criar uma literatura independente, diversa, de vez que, aparecendo o Classicismo como manifestação de passado colonial. (CANDIDO, 1993, p.12, grifo do autor)

Tanto um quanto o outro são indispensáveis de serem sinalizados, já que irão situar o leitor sobre quem deu ênfase à palavra ou expressão de destaque.

Isso é importantíssimo, já que por vezes, a palavra originalmente grifada pelo autor não é de suma importância para o texto que você está redigindo.

Quando o grifo é seu, (ou seja, o grifo nosso) ele deve estar integrado ao contexto da sua pesquisa.

IMPORTANTE!

Toda citação, empréstimos de ideias, repasse de conceitos, DEVEM SEMPRE ser creditados ao autor/autores.

Copiar qualquer informação e não citar a fonte de onde a ideia foi retirada pode ser considerada plágio, que legalmente é considerado um crime, além de ser uma atitude extremamente antiética.

*Vídeo de Fran Carniel

 

Uso do grifo nosso em citações do TCC

Esteticamente, ao falarmos da disposição do texto, o aviso do grifo nosso deve aparecer após a referência bibliográfica da citação, de acordo com o exemplo abaixo:

[…] … o confronto com a alfabetização e reafirma: enquanto a alfabetização ocupa-se da aquisição da escrita por um indivíduo, o letramento focaliza os aspectos sócio históricos da aquisição de um sistema escrito por uma sociedade. (TFOUNI, 1988, p.20, grifo nosso)

Então ao elaborar a referência da citação lembre-se de seguir esta ordem:

  • Nome Do Autor: em letras maiúsculas quando estiver dentro dos parênteses, ou apenas a inicial maiúscula quando estiver fora deles. Exemplo: (AUTOR) ou Autor.
  • Ano de Publicação: em algarismos arábicos. Exemplo: 2010
  • Abreviação da palavra Página: sempre em letra minúscula, seguida por ponto final. Exemplo: p. 58
  • Grifo nosso: deve ver especificado após o número da página onde a citação foi retirada, precedido por vírgula. Exemplo: (LAJOLO; ZILBERMAN, 1988, p. 17, grifo nosso)

 

Fiz meu TCC sozinho? Devo usar o grifo meu ou grifo nosso?

Quem elaborou seu trabalho de conclusão de curso de maneira individual fica sempre preocupado se deve fazer uso do  “grifo nosso” ou “grifo meu“.

As normas da ABNT para trabalhos acadêmicos deixa esta questão sob a escolha de quem está redigindo o trabalho, desde que sejam observadas as regras para citações do TCC.

O uso dos pronomes possessivos não é considerado em erro ou deslize das regras ABNT, portanto, se o trabalho foi feito somente por você e desejar colocar “grifo meu”, está correto.

Porém, o uso grifo nosso é comumente mais difundido e recomendado nas universidades em geral, já que apesar de o trabalho ser redigido apenas por uma pessoa ele foi feito sob supervisão.

Ou seja, é considerado de tom mais elegante o uso do pronome “nosso”, já que de certa forma, contempla o orientador do TCC que forneceu auxílio e conselhos durante a elaboração da pesquisa e escrita do trabalho.

 

Recapitulando: Últimas dicas e regras para uso do grifo nosso

Para facilitar, faremos em itens assim você não terá mais dúvidas!

  • Em citações diretas, longas ou curtas, que são a transcrição integral de uma parte ou partes da referência bibliográfica consultada;
  • Quando o tema for relevante e essencial para sua pesquisa;
  • Quando quiser destacar uma palavra que dê base e/ou propriedade ao tema sobre o qual está discorrendo
  • Não usar em citações indiretas, já que elas já são escritas com as suas palavras, não sendo necessário o uso do grifo nosso.

Se este artigo foi útil para você, temos muito mais dicas e artigos em nosso site, o Projeto Acadêmico.

Nossa missão é auxiliá-lo na sua caminhada rumo à aprovação!

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email

Artigos Relacionados

2 respostas

  1. Gostei muito do texto. Muito claro, com uma linguagem simples acrescentou sobremaneira, informações para ampliar meu universo do conhecimento.
    Gratidão.

  2. Tenho uma dúvida e não encontro em lugar algum, caso o trecho a ser citado contenha um grifo e eu queira fazer outros, como colocar isso? Grifo meu e do autor?
    Aguardo resposta 😀

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

logo abnt

Quer um modelo de TCC com as normas ABNT já configuradas?

Modelo já com todas as configurações ABNT. Baixe agora >>