ABNT NBR 15287 (atualizada): estrutura do projeto de pesquisa

As Normas ABNT são as regras determinadas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas para elaboração de diferentes trabalhos acadêmicos. Cada uma dessas regras é chamada de NBR, e cada uma delas possui um número em específico, como é o caso da NBR 15287. Pré Projeto TCC: modelo pronto, sugestões e dicas de elaboração

Quer saber o que é e para que serve a NBR 15287? Então confira neste post tudo sobre essa norma, como usá-la e o que ela orienta em relação a elaboração de trabalhos acadêmicos. Veja tudo isso a seguir!

Download em PDF: https://projetoacademico.com.br/wp-content/uploads/2019/11/NBR-15287-2011.pdf

O que é NBR 15287?

A NBR 15287 é uma das normas que compõem as Normas ABNT. Ela é responsável por determinar todas as regras de elaboração e formatação do projeto de pesquisa. Nela, são incluídas informações sobre elementos obrigatórios, estrutura, elementos pré-textuais, textuais e pós-textuais, instruções para impressão, formatação geral, entre outras informações.

capa NBR 15287

Para que serve a NBR 15287?

Se a NBR 15287 determina todas as regras para elaboração de projeto de pesquisa, isso significa que ela serve para instruir e padronizar todos os projetos de pesquisa de acordo com as normas determinadas pela ABNT.

A finalidade de uma norma é sempre instruir o autor do trabalho em relação aos elementos obrigatórios, estrutura e formatação do trabalho, que nesse caso trata-se de um projeto de pesquisa. Sendo assim, podemos resumir dizendo que a NBR 15287 serve para especificar como o projeto de pesquisa deve ser elaborado segundo a ABNT.

O que é projeto de pesquisa?

Um projeto de pesquisa é a definição de um método em relação a uma pesquisa em específico. Trata-se de um trabalho acadêmico cobrado por diversas instituições de ensino que tem como objetivo pesquisar um determinado tema. Há vários tipos de pesquisa, falar sobre os diferentes tipos não é o foco deste artigo.

O que você precisa saber é que um projeto de pesquisa é um importante trabalho acadêmico que tem como principal objetivo “descobrir, pesquisar e inovar” de forma científica. Com isso, o projeto de pesquisa pode proporcionar descobertas, pesquisas, inovações e soluções de problemas comuns para a sociedade.

Ou seja, o projeto de pesquisa tem grande importância quando com o objetivo de ajudar a sociedade. Para elaborar um projeto de pesquisa é necessário definir os seguintes itens:

  1. Tema: embora pareça simples, a escolha do tema nem sempre é algo fácil. É preciso escolher um tema de impacto, que tenha relevância para a sociedade e que apresente problemas que precisam ser solucionados.
  2. Problematização: é a questão principal por de trás do projeto de pesquisa. Sem problematização, não há por que elaborar uma pesquisa. É através da definição de um problema que toda a pesquisa é baseada.
  3. Justificativa: a razão pela qual uma pesquisa é iniciada determina a justificativa do projeto de pesquisa. Neste item é preciso justificar a elaboração do projeto de pesquisa.
  4. Objetivos: sabendo da razão, você poderá definir neste item o objetivo da elaboração do projeto de pesquisa. O que você pretende obter com essa pesquisa? Isso deve ser informado em objetivos.
  5. Hipóteses: toda pesquisa é baseada em hipóteses iniciais. É através dessas hipóteses que o pesquisador inicia o estudo. Nem sempre as hipóteses são confirmadas no final do projeto e confirmá-las nem sempre é o objetivo.
  6. Fundamentação teórica ou revisão literária: neste item, é preciso definir a metodologia utilizada para a pesquisa, se é uma fundamentação teórica ou se é uma revisão literária, além de outros pontos essenciais do projeto de pesquisa.

Estrutura de um projeto de pesquisa

Um projeto de pesquisa deve ter, como todos os trabalhos acadêmicos, elementos pré-textuais, textuais e pós-textuais. Além desses elementos, a NBR 15287 determina que os projetos de pesquisa tenham outros elementos tidos como obrigatórios. Veja a seguir a estrutura completa de um projeto de pesquisa e os elementos envolvidos nessa estrutura:

Elementos pré-textuais

  • Capa – opcional;
  • Lombada – opcional;
  • Folha de rosto – obrigatório;
  • Lista de ilustrações – opcional;
  • Lista de tabelas – opcional;
  • Lista de abreviaturas e siglas – opcional;
  • Lista de símbolos – opcional;
  • Sumário – obrigatório.

Elementos textuais

  • Introdução – obrigatório;
  • Desenvolvimento – obrigatório;
  • Conclusão – obrigatório.

Elementos pós-textuais

*Fonte: Metodologia científica com o Prof Antônio dos Anjos

Regras gerais para formatação de projeto de pesquisa

A NBR 15287 determina várias regras para elaboração e formatação de projetos de pesquisa. Entre as regras gerais estão instruções para espaçamento, formato para impressão, paginação, notas de rodapé, títulos, citações, siglas, e muito mais. Veja a seguir como é feito a formatação segundo a NBR 15287.

Formato para impressão

  • Textos devem ser digitados em cor preta;
  • Ilustrações podem ser coloridas;
  • Papel para impressão deve ser branco ou reciclado;
  • Tamanho da impressão deve ser A4 (21 cm x 29,7 cm);
  • Cada elemento pré-textual deve ser iniciado no anverso;
  • Elementos pós-textuais podem ser digitados no anverso e verso;
  • Margens devem seguir padrão:
  • Anverso – 3 cm para esquerda e superior e 2 cm para direita e inferior;
  • Verso – 3 cm para direita e superior e 2 cm para esquerda e inferior.
  • Fonte do texto deve ser 12, com exceção das citações, notas de rodapé, legendas, fontes e paginação.

Espaçamento

  • Texto deve ser digitado com espaçamento de 1,5 entre as linhas;
  • Citações, referências, notas de rodapé, legendas, tipo de projeto e nome da entidade devem apresentar espaçamento simples;
  • Títulos que não apresentam indicativo número (exemplo: sumário, listas, errata, anexo, entre outros) devem ser centralizados;
  • Texto deve ser digitado em formato justificado.

Formatação de elementos ao longo do texto

  • Citações com mais de 3 linhas devem apresentar espaçamento simples entre linhas;
  • Se for citação direta com menos de 3 linhas, é necessário incluir trecho entre parênteses;
  • É necessário citar autor ao incluir uma citação direta, indireta ou citação de citação;
  • Siglas devem aparecer no texto entre parênteses após o nome completo, quando mencionadas pela primeira vez;
  • Fórmulas e equações devem ser destacadas no texto e numeradas para facilitar a compreensão;
  • Ilustrações devem apresentar título junto ao nome da ilustração (exemplo: fotografia, mapa, esquema, desenho, entre outros);
  • No título da ilustração é necessário indicar o número da ocorrência no texto (exemplo: 1, 2, 3, 4…);
  • A fonte da ilustração deve sempre ser indicada na legenda da imagem junto ao número para nota de rodapé;
  • Tabelas também precisam apresentar fonte, mesmo que a fonte seja o próprio autor do trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *